terça-feira, 31 de maio de 2011

As dívidas públicas incobráveis e um povo que não se importa de ser humilhado

(Imagem sacada daqui e editada por mim)


Entretanto, em Portugal, parece que a maioria dos eleitores vão votar em quem apoia as medidas que levaram todos estes países europeus à recessão e à dependencia dos "mercados". Vão votar em líderes (!?) submissos a Merkel, a chanceler que está quase a entrar para a História como a coveira da Comunidade Europeia. Vão votar em líderes submissos com os credores e arrogantes com os seus eleitores. Até Medina Carreira já percebeu que com as imposições do memorando da troika não vai ser possível pagar a dívida (embora eu aposte que vai ser uma epifania temporária e reduzida à questão das taxas de juro...). Mas já que o centro e a direita tanto gostam deste senhor, que tal darem crédito a estas afirmações e deixarem de atirar areia para os olhos dos eleitores? Chamem-me idealista se quiserem, eu tenho a certeza que sou só (mais) um realista.

 

Mas esta campanha tem tido uma coisa boa, que nem o fogo de artifício, os comentadores e as sondagens têm conseguido obscurecer. A esquerda tem tido um comportamento digno, tem-se esforçado com os meios limitados que tem, ao seu dispor, por mostrar aos eleitores o que está em curso: o equivalente de aquilo a que , num dia de lucidez, Soares chamou um grande embuste. A esquerda leu o acordo da troika e exigiu a auditoria pública das dívidas ( e disse Não pagamos a dívida dos bancos!) . A esquerda exigiu a identificação dos credores- porque o maior dos crimes foi a culpabilização da gente comum pelos propagandistas dos verdadeiros culpados. A esquerda recusou como solução a redução dos níveis de protecção social, educação, investigação, saúde, reconversão ecológica como remédio para a crise. Disse que a renegociação da dívida e das taxas de juro deveria ser feita agora, enquanto há força…Tenho orgulho dessa esquerda. Agradeço aos que lutam todos os dias. Aos que mantêm levantado o farrapo vermelho. E mesmo que no domingo estivesse sozinho face à urna, haveria de lhe entregar o meu papel. E dizer aos que mandam e aos colaboracionistas: não nos entregaremos nunca.
 
NESTA ELEIÇÃO NÃO SE VOTA NO CENTRÃO!

As melhores criações da Natureza...


Sacada daqui!

Música do dia

segunda-feira, 30 de maio de 2011

The revolution will not be televised


A acampada de Lisboa já dura à 12 dias. Pouco ou nada se vê nos noticiários e nos jornais sobre as Assembleias Populares que todos os dias ali tem lugar e juntam centenas de pessoas. Quem quer saber o que se passa tem de ler blogs na net. Blogs como o 5 Dias, o Adeus Lenine, o Vias de Facto, o Aventar ou o Indymedia.

A acampada de Barcelona já dura à quase 3 semanas. Pouco se vê nos media do lá que se tem passado. Pouco se falou da brutal actuação da polícia catalã, e menos ainda se mostrou de como acabou a tentativa de desalojar os indignados, feita com a desculpa que era preciso limpar a praça. [ironia on] É engraçado que a limpeza só encontrou tendas e mobiliário [ironia off]. Lixo, a sério, estava nos contentores adequados para o efeito, com os recicláveis nos sítios certos...

Em Portugal, talvez excitada com os níveis de testosterona demonstrados pela polícia de choque catalã, uma jornalista influente daqui do burgo resolveu fotografar aquilo que viu na acampada do Rossio. Pena só ter olhado para o local onde se junta o lixo, que depois segue para os contentores devidos. Mas é este o jornalismo "de referência" que temos, sempre pronto a olhar só para o que os donos querem que olhe. E os donos não gostam quando se fala do que não lhes dá jeito. Uns democratas, portanto...

Entretanto, a acampada de Coimbra continua mesmo sem a publicidade dos media. A mesma cidade onde os murais da CDU nas Escadarias Monumentais tanta polémica causaram (isto passou nas TV's e em todos os jornais), e os murais da JS já não causam nenhuma celeuma. Mais uma vez, é esta a comunicação social que temos em Portugal: sempre prontos a dizerem amen às vozes dos donos, sempre prontos a formarem mais carneiros e ovelhas para votarem nos partidos do "arco do poder".

QUANTOS DE VOÇÊS SÃO CARNEIROS E OVELHAS? Eu não sou, de certeza!

NESTA ELEIÇÃO NÃO SE VOTA NO CENTRÃO!

E, entretanto, preparem-se para o surgimento de movimentos sociais cada vez mais fortes. O poder político está podre. As pessoas estão fartas. E a revolução não vai ser televisionada...

As melhores criações da Natureza...


Foto por Michael Rosen. Sacada daqui!

Música do dia

domingo, 29 de maio de 2011

A Igreja vai mesmo defender os valores católicos?


É habitual nesta altura do campeonato (leia-se campanhas para eleições...) os padres abusarem da homilia para incitarem os fieis a votarem em partidos que defendam os valores católicos/cristãos. Normalmente os católicos entendem isso como uma ordem para votarem nos partidos de centro e de direita (PS, PSD e CDS, só para citar os maiores). Ironicamente foram estes os 3 partidos que assinaram o memorando da troika. O tal memorando que reduz a protecção social (subsídio de desemprego, abono de família) dos mais fracos, que vai ter como consequência o aumento do desemprego e o aumento da população em estado de necessidade/pobreza. Portanto, desta vez a Igreja vai estar a apelar ao voto nos partidos anti-memorando (de esquerda) ou a pedir aos seus fieis para votarem contra os valores que professam? Pensem nisto e pensem no que ouviram na(s) homilia(s)...

As melhores criações da Natureza...

Brigitte Bardot

Sacada daqui!

Música do dia

sábado, 28 de maio de 2011

Petição Pelo rigor na cobertura mediática do acordo com a "troika": um empréstimo não é uma ajuda



Continuando no tema dos media, uma das maneiras de ludibriar o comum cidadão é a utilização de expressões que suavizam a realidade. Um dos abusos de linguagem mais gritantes nos últimos tempos é chamarem o empréstimo da troika de "ajuda externa". Pelos vistos, se tivermos de pedir um empréstimo ao banco devemos chamar-lhe de "ajuda bancária"...

Por isso surgiu mais uma petição para obrigar os media a "chamar os bois pelos nomes". Assinem que é importante!

As melhores criações da Natureza...

Fernanda Agnes

Sacada daqui!

Música do dia

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Muitos portugueses comem palha mas cada vez mais eleitores informam-se e pensam pela sua cabeça


Já algumas vezes aqui escrevi sobre o papel dúbio que os media nacionais têm tido na divulgação das propostas dos vários partidos. Chegou-se ao ponto em que (finalmente!) algum tribunal aplica a lei e afirma que TODOS os partidos merecem O MESMO tratamento da parte da comunicação social. O acórdão é apenas sobre os debates televisivos frente-a-frente, mas não é difícil perceber que o mesmo devia acontecer com os noticiários. Só é pena não obrigar os partidos "grandes" a cumprirem os seus deveres perante os cidadãos.

Os media andam a dar palha aos portugueses à anos. Felizmente a internet, e essencialmente a blogosfera, tem conseguido furar o estreitamento de opiniões com que nos impingem as visões dos partidos dominantes. Ainda há muita gente mal informada sobre as reais opções nestas próximas eleições, mas graças ao esforço e partilha de informação de cada vez mais bloggers as escolhas editoriais de jornais, rádios e televisões, mais ou menos encapotadas e sempre subordinadas aos critérios e interesses dos patrões/accionistas, passam cada vez menos despercebidas. É necessário que quem está mais esclarecido seja capaz de argumentar com os menos esclarecidos e demonstrar as incoerências e incompetências gritantes dos partidos do "arco do poder". Esta é a missão de qualquer cidadão decente. Espero que também seja a de quem lê este post...

Por fim deixo-vos com a opinião de António Campos (que desconheço), encontrada algures nesta caixa de comentários: "É fundamental que votemos em 5 de Junho para que o PS sofra a sua merecida derrota. Para os eleitores menos informados e esclarecidos politicamente a sua preocupação deverá ser, votar no PSD ou no CDS. Devem derrotar de modo primário José Sócrates e a sua pandilha, não entendendo eventualmente outros aspectos do contexto em que nos encontramos.
Para os eleitores mais bem informados penso que os seus votos devem incidir nos partidos de esquerda, BE ou PCP, pois revelam também o seu vivo protesto contra a situação em que nos encontramos, e se procuram vislumbrar algumas alternativas consistentes à “ajuda externa” em que fomos envolvidos.
"

As melhores criações da Natureza...

Fanny François

Sacada daqui!

Música do dia

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Vale tudo menos falar do que é importante


Quem soube prever a crise mundial avisa que terá de haver uma reestruturação da dívida grega. Quem já ganhou um Nobel da Economia também e estende o aviso a Portugal e Irlanda. As taxas de juro sobre as dívidas soberanas de Espanha, Itália e Bélgica não param de subir (são os próximos na lista dos "mercados"...). Claro que a nossa elite não presta atenção. Há sempre quem prefira ouvir Medina Carreira... Como eu já disse, é uma questão de incompetência cravada nos genes das elites portuguesas.

O que não tem piada nenhuma é que estamos em plena campanha para eleições legislativas e os partidos que assinaram o memorando da troika nada dizem sobre a situação dos países que levaram com a intervenção do FMI/BCE/UE antes de nós. Não convém à troika interna que se exponha o buraco que CDS, PSD e PS estão a continuar a cavar para o país, e os media ajudam ao não confrontarem os candidatos desses partidos com os resultados nos outros países. Estes partidos, por seu lado, fazem o tudo por tudo para encherem a agenda mediática nem que seja com tiros nos pés! Outra estratégia diária é o ataque ao carácter dos líderes partidários. E aqui faço minhas as palavras do Daniel Oliveira: "O meu problema não é isto ser debate. Participo nele e muitas vezes aqui escrevi sobre este tipo de assuntos. O meu problema é quando isto é todo o debate que sobra. Porque leva as pessoas ao erro quanto ao diagnóstico: se tudo se resume às características pessoais e éticas dos governantes, a Europa, a desregulação dos mercados financeiros, os erros no nosso modelo de desenvolvimento ou a desigualdade estrutural em todos os domínios da vida portuguesa ficam arredados de qualquer conversa. E são o que realmente conta. Muitos portugueses acreditam que chegámos aqui por causa do que aconteceu no País nos últimos seis anos. Claro que também foi por isso. Mas resumir os nossos problemas ao último governo e às questões domésticas é de tal forma absurdo, tem tão pouca relação com os factos, que é argumento que não se aceita em pessoas inteligentes e informadas que estejam de boa-fé num debate."  

Sinceramente começo a achar que a escolha no próximo dia 5 de Junho vai ser entre homens e mulheres que querem enfrentar um problema (BE e PCP) e crianças (CDS, PSD e PS) que se recusam a assumir as suas responsabilidades. Mais uma vez, repito: 

NA PRÓXIMA ELEIÇÃO NÃO SE VOTA NO CENTRÃO!

As melhores criações da Natureza...

Sila Sahin

Sacada daqui!

Música do dia

terça-feira, 24 de maio de 2011

Defender o indefensável?!...


No ultimo Jornal da Bairrada, na versão impressa (não na versão online), encontrámos logo na contra-capa as 2 piores opiniões que se podem encontrar, da autoria de Henrique Fidalgo e de A. Lebre de Freitas.

Curiosamente a opinião de Henrique Fidalgo está no blog do PSD de Anadia. Além de ter ficado a saber que o JB está a fazer campanha pelo PSD (um editorialzinho teria ficado bem melhor...), gostei muito de ler esta opinião. E porquê, perguntam-se já os leitores? Porque, tal e qual como no resto do PSD, não há lá nada. Rien de rien. H. Fidalgo ataca o PS como um touro, "apenas" esquece-se de defender as posições do PSD. Reconheço-lhe o mérito: não tendo nada de jeito para defender pelo menos tenta atacar. É uma pena atacar mal e esquecer que o PSD é tão ou mais culpado que o PS pela situação do país. Esperam-se dias melhores ;)

Já A. Lebre de Freitas (quem?) gostava de voltar ao partido único. Realmente há cabecinhas que nunca compreenderam o 25 de Abril. Talvez gostasse mais do tempo da outra senhora, em que realmente as elites estavam sempre de acordo, e o resto do país tinha um atraso de mais de meio século em relação ao resto da Europa Ocidental (e é melhor nem falar nos EUA...). Felizmente que opiniões destas só enganam os desprevenidos ;)

De certeza absoluta que o JB, se quiser, consegue arranjar opinadores com opiniões mais profundas. As melhoras rápidas!

As melhores criações da Natureza...


Sacada daqui!

Música do dia

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Aproveitamento da situação à cara podre...

(imagem sacada daqui!)

Os patrões querem que se trabalhe mais horas em Portugal. Acontece que Portugal já é dos países europeus onde se trabalha mais horas. A questão, como sempre, é a produtividade nacional, que é mais  "um indicador que consiste em não mais do que a simples divisão do valor da produção pelo número de trabalhadores. Logo, se o valor deste indicador é baixo, a única coisa que se pode concluir é que o valor (de mercado) do que se produz em Portugal é baixo tendo em conta a dimensão da economia nacional." Ou seja, o problema é que as empresas portuguesas, geridas por estes brilhantes patrões e gestores representados pela CIP, produzem o que vale pouco, normalmente por serem produtos com pouco valor acrescentado, quer por concorrerem com muitas empresas internacionais, quer por terem pouca incorporação tecnológica. 


O problema real da economia portuguesa é a sua cúpula, ou seja, gestores, administradores e patrões com uma produtividade reduzidíssima. E não é por falta de incentivos financeiros, pois os nossos patrões e gestores são dos mais bem pagos da Europa. É simplesmente por incompetência e por os recursos dos grandes grupos económicos serem direccionados para PPP's que assegurem rendas, ou para sectores com pouca concorrência como as telecomunicações e as grandes superfícies comerciais. Não está na genética das nossas elites a noção de "correr riscos", e na minha opinião é porque, embora não o admitam, sabem que não têm competência para lidarem com a concorrência internacional em áreas de grande incorporação tecnológica. E num país em que a mobilidade social é das mais reduzidas da Europa, onde o berço conta muitas vezes mais que a competência, esta característica genética das elites é fatal.

As melhores criações da Natureza...


Sacada daqui!

Música do dia

Medida de combate ao défice: legalização das drogas


Uma das coisas que me intriga na nossa sociedade é a disseminação da hipocrisia. Um dos exemplos mais claros disso é a questão das drogas. Drogas duras como os ansiolíticos e o álcool são legais, umas por questões financeiras e de saúde, outras por questões culturais. O tabaco, que é das drogas mais viciantes que existem, também é legal. O café, que é uma droga leve mas bastante viciante, é quase uma instituição portuguesa. Já uma droga leve como a cannabis, que não causa vício, tem utilizações medicinais comprovadas e quase não tem efeitos secundários é ilegal. Digam o que disserem, isto não tem lógica nenhuma.

domingo, 22 de maio de 2011

Continua-se a discutir pentelhos...

Sou forçado a reconhecer que Catroga até tinha alguma razão quando disse o que está no título. Pena para ele que o tenha dito pelos motivos menos importantes...


"Há verdades que se calam e há mentiras que iludem verdades. Portugal entretém-se a discutir se o país deve ter duas ou três taxas de IVA mas não reflecte um segundo sobre taxa de juro que vai ser cobrada pelo empréstimo de 78 mil milhões de euros. 

Se alguma coisa ameaça a recuperação de Portugal nos próximos anos é esta taxa, que será fixada entre 5,5% e 6% pelos ministros das Finanças europeus. E isto é verdadeiramente decisivo. Porquê? Por uma razão simples que os economistas conhecem há muito: trata-se da relação entre juros altos e crescimento económico baixo."


Esta opinião já tem mais de uma semana, mas continua tão actual como a 12 de Maio. Não há condições para pagar estas taxas de juro. Isto não é ajuda nenhuma! É O NOSSO ENTERRO!


"A expressão “ajuda externa” sobrevive no debate público devido à seguinte ideia: em Maio não haveria dinheiro para "pagar salários". Isto não é bem assim. Em Maio, tudo o resto constante, e nem tudo tinha de estar constante porque havia algumas propostas para gerar liquidez, poderia não haver dinheiro para pagar salários e, friso o e, para fazer face a todos os compromissos com os credores. Numa democracia, aqui chegados, a escolha seria clara: entre o contrato social e o contrato financeiro não há como hesitar. No entanto, o periclitante sistema financeiro europeu não estaria em condições de aguentar tal escolha, claro. Isto é conhecimento comum." (sublinhados meus)


Quem votar no centrão está a dizer que quer pagar os dividendos dos accionistas dos bancos portugueses, mas, acima de todos, dos bancos alemães e franceses. Não é já altura dos gestores e banqueiros do centro da Europa serem responsabilizados pela sua gestão? Desde quando é que o negócio deles não tem risco???!!!


NESTA ELEIÇÃO NÃO SE VOTA NO CENTRÃO!

As melhores criações da Natureza...


Sacada daqui!

Música do dia

Convocatória Internacional

Post copiado daqui! Pena só ter visto isto hoje...
CADA UM DE NÓS É RESPONSÁVEL PELO QUE SE PASSAR DAQUI PARA A FRENTE!
Mapas sacados daqui!

"Queridos amigos/as,

Queremos partilhar com o maior número de pessoas, os momentos inesquecíveis que estamos a viver com a #spanishrevolution [1] e queremos fazer deste protesto ainda mais global do que já é.
Com esta mensagem queremos incentivar-te a convocar mais acampamentos fora do estado Espanhol feita pelos residentes em outros países.
O que se está a passar nas diferentes cidades espanholas não é específico da nossa sociedade: lutamos por recuperar a dignidade, a liberdade e a justiça social, a democracia directa, participar no rumo das nossas próprias vidas. Não somos ovelhas e parece que ninguém, no poder político, se apercebe disso. Somos uma rede, não necessitamos de líderes e por isso desejamos que em cada cidade tomes uma posição e penses por ti mesmo/a, em conjunto com outros/as, nas alternativas a este mundo mercantilista, desumano, suicida e cancerígeno a que os nossos governantes estão a levar o planeta, e a todos nós com ele, e que nos querem fazer acreditar que tudo se move por dinheiro.
Para nós as fronteiras não existem, a rede é nossa e a rua também! Um outro mundo é possível!
Para isso propomos que reenvies este correio e te organizes com os teus amigos, colegas, associações, familiares, etc. para nos manifestarmos em todas as praças para exigir uma mudança real na nossa sociedade. Criemos juntos estes espaços de protesto, encontro, pensamento, acção e mudança, a uma escala global, em rede e em uníssono.

Mais concretamente propomos que acampemos nos diferentes países. //Em Portugal, hoje, dia 21, passa-se o seguinte [EM ACTUALIZAÇÃO]//:

sábado, 21 de maio de 2011

A democracia faz-se com as pessoas, não é com os mercados



E cá está, a resistência sobe de tom. A Revolução espanhola propaga-se pelo mundo e aproxima-se do milhar o número de cidades com acampamentos nas suas praças mais emblemáticas. Em Portugal começou ontem à noite (FORÇA COMPANHEIR@S, CAMARADAS, POVO!!!). Aconselho-vos a ler o blogue 5 Dias, onde está a ser feita uma boa descrição do que se anda a passar.

Os políticos não prestam atenção, as elites acham que podem e acontecem, e arriscam-se muito. Não sei se é soberba ou se é cegueira, mas certamente não percebem que esta ditadura económica tem o tempo contado... TIC TAC, TIC TAC, TIC TAC... Se calhar, estas eleições arriscam-se a não valerem nada... TIC TAC, TIC TAC, TIC TAC... Nem toda a gente "come" acriticamente as notícias "plantadas" nos jornais... TIC TAC, TIC TAC, TIC TAC... Cada vez menos gente aceita as "inevitabilidades" das troikas... TIC TAC, TIC TAC, TIC TAC... Cada vez menos gente se revê nos partidos do "arco do poder"... TIC TAC, TIC TAC, TIC TAC... Cada vez há mais protestos... TIC TAC, TIC TAC, TIC TAC...

As melhores criações da Natureza...


Sacada daqui!

Música do dia

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Fim de semana animado em Anadia


Vamos ter a visita de velhas e novas glórias do desporto nacional no sábado, numa causa que merece o nosso apoio ($$$, para quem não entendeu logo...).

Domingo é dia de ver e ouvir um belo espectáculo musical na Estação da Curia. Só me assustei quando soube que o Sócrates ia lá. Mas este é o Borras... ;)

As melhores criações da Natureza...


Foto por Gary Mitchel. Sacada daqui!

Música do dia

Será este o início da Revolução ou da desintegração?


Em Espanha as praças estão a ser tomadas. Em vésperas de eleições municipais e regionais acontece o que ninguém estava à espera: pessoas revoltam-se e manifestam-se pacificamente, mas sem recuos, porque não se sentem minimamente representadas pelos partidos políticos. Mais ou menos como eu me sinto aqui, apesar de não esconder que neste momento estou mais próximo de BE e PCP que nunca.

O protesto já chegou a Portugal e a muitos outros países europeus e não só, e os esforços "da reacção" correm o sério risco de incendiar os ânimos. Na Grécia a situação continua escaldante e os protestos voltam a ganhar força.

Na Europa de centro e norte crescem os nacionalismos e a retórica anti-mediterrâneo.

Não estou optimista, mas sinto que é necessário o confronto para, de uma vez por todas, esclarecermos o futuro. Esta ditadura económica não nos leva a lado nenhum...

quinta-feira, 19 de maio de 2011

A questão das PPP's


Foi muito bem exemplificada por Carlos Loureiro (não se esqueçam de seguir os links para perceberem a história...).

Um negócio ruinoso para o país tornou-se ainda mais ruinoso com a renegociação. Imaginem agora o que acontecerá quando formos obrigados a renegociar a dívida pública... É por isso uma questão de sobrevivência termos no governo os partidos que não dizem amen a tudo. Mais uma vez repito, por uma questão de sobrevivência do país, NESTA ELEIÇÃO NÃO SE VOTA NO CENTRÃO!

As melhores criações da Natureza...

Gianne Albertoni

Sacado daqui!

Música do dia

A deriva populista de Merkel


É obrigatório ler este artigo de opinião de Helena Garrido no Jornal de Negócios.

Arrisco-me a dizer que esta é uma deriva populista e xenófoba de toda a direita europeia. É melhor que nos preparemos para o período de conflito social, económico e (?)político(?), que aí vem. Com estes líderes europeus não é de esperar nada de bom para a UE.

Com os nossos líderes de centro e direita (Sócrates, Passos Coelho, Portas e Cavaco) a não perceberem, ou a fazerem de conta que não percebem, que estão a seguir a cartilha de quem nos quer mal, é fácil prever grandes dificuldades para o nosso país. Em nome da sobrevivência de Portugal, temos de deixar de votar nos partidos do centrão.

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Glória aos vencedores, honra aos vencidos

Fotografia de Dylan Martinez/Reuters


Foto sacada daqui!

As melhores criações da Natureza...

Suzanne McCabe

Sacado daqui. Foto que faz parte de uma campanha da PETA.

Música do dia

Sandra Lins


Anda uma mulher de Oiã a deixar comentários como o que copio a seguir em caixas de comentários de tudo o que é jornal e tv online. Quem quiser alguém para trabalhar pode contactar.

"SOU A SANDRA LINS QUE VENHO PEDINDO AJUDA A TODOS A ALGUNS DIAS INCLUSIVE COLOQUEI AQUI O MEU NUMERO DE TELEMOVEL QUE É 916809435. A T V I ME BLOQUEOU E EU LIGUEI E PEDI O NUMERO DE AJUDA E ME ENVIARAM UM EMAIL QUE NÃO CONSIGO ENVIAR POR ESTAR BLOQUEADA !!!!! ESTOU DESESPERADA A MAIS DE 1 ANO SEM TRABALHO MORO NA REGIÃO DE OIÃ, POR FAVOR SENHORES PORTUGUESES ME AJUDEM A TRABALHAR.....É A UNICA COISA QUE EU QUERO...TENHO UMA MÃE DOENTE DO CORAÇÃO E MEU MARIDO NÃO CONSEGUE MAIS SUSTENTAR TUDO...SOS"


Serve isto também para lembrar ao PSD que a grande maioria dos desempregados não se mantém desempregados por obrigação. Agradecia-se que deixassem de insultar a inteligência dos portugueses...

terça-feira, 17 de maio de 2011

QUE COÇAAAAAAA!!!!!!


Tenho evitado comentar os debates entre os candidatos a Primeiro Ministro que têm decorrido nas TV's, mas depois de ver o debate de hoje entre Louçã e Passos Coelho não me consigo conter. Que abada! Meu Deus, que coça! Um baile que nem nunca me teria passado pela cabeça que acontecesse. Louçã foi coerente, defendeu exemplarmente os pontos de vista do Bloco, arrasou com o programa eleitoral do PSD e ainda destruiu Passos Coelho. Deu a clara ideia que se o debate tivesse mais uma hora Passos Coelho seria reduzido a pó. Acho que nunca vi um debate tão desequilibrado!

Louçã é claramente o líder partidário melhor preparado para estes debates e para dirigir o país. Já deu knockout técnico a Sócrates, coisa que eu não imaginava que fosse possível, e depois desta noite é claramente o meu favorito.

NOTA: Vou editar este post quando o vídeo deste último debate estiver disponível online.

As melhores criações da Natureza...


Sacado daqui!

Música do dia

Achei isto delicioso



Está aqui uma conta do YouTube a explorar...

Serve também para lembrar aos "grandes" pedagogos anadienses que a cultura, em todos os sentidos, é dinâmica. Ahhh, é verdade! Isto fez-se numa escola pública...

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Vem aí a derrocada da UE


Com muita pena minha, a UE está a esboroar-se. A sua construção foi feita apenas pela cúpula elitista, o que retira legitimidade aos actuais processos de decisão europeus. J. M. Correia Pinto explica bem este problema no seu excelente blogue POLITEIA:

"O cidadão, os povos, viviam à margem da construção europeia, embora, a princípio, tivessem acolhido com agrado algumas das suas principais inovações pela comodidade que elas lhes traziam – ausência de fronteiras alfandegárias, ausência de controlo da circulação de pessoas e, por fim, a criação de uma moeda única.
Com o andar dos tempos, com a alteração radical das circunstâncias que presidiram à sua criação, a construção europeia deparou-se com as dificuldades que são normais num conjunto onde faltam os elementos, materiais e espirituais, agregadores da solidariedade e do interesse comum entre pessoas. Na ausência de um sentimento comum de pertença, sem laços humanos que realmente unam os povos europeus, vivendo num grande desconhecimento recíproco das suas características, da sua história, dos seus costumes, enfim, da sua cultura, tanto maior quanto mais longe se encontram uns dos outros, é natural que nos momentos de crise cada um trate de si e se refugie no nacionalismo, único lugar onde apesar de tudo cada um individualmente e em grupo ainda continua a ter alguma voz."

Trazendo este raciocínio para a realidade nacional, espero que os partidos troikanos (CDS, PSD e PS) se lembrem, em tempo útil, que tomar um caminho político apenas com o apoio das "elites" (estou a pensar na elite económica/financeira...)  implica que esse caminho tem um prazo de validade curto. E não vai haver maioria parlamentar que os salve depois, quando a situação apertar. Até podem conseguir impor a lei da selva! Mas lembrem-se que são raríssimos os predadores que morrem de velhice na selva...

As melhores criações da Natureza...


Sacado daqui!

Música do dia

Já que toda a gente pede alguém para a FVV...

Eu gostava de ver estes gajos aqui em Anadia: NOIDZ

Deixo aqui uns aperitivos ;)



sábado, 14 de maio de 2011

Kalashnikov!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Depois de se saber que os Homens da Luta vão estar na próxima Feira da Vinha e do Vinho (excelente escolha!!!) venho aqui deixar um pedido: metam os Kalashnikov num encore. Só 3 musiquinhas, por favor...



As melhores criações da Natureza...

Iveta Vodakova (Iveta B.)


Sacado daqui!

Música do dia

Junta médica, JÁ!!!


Parece que este caso fez escola junto dos juízes, e de absurdo em absurdo, chega-se a este outro caso. É caso para pedir a uma Junta Médica para avaliar com urgência todos estes juízes. De modo a garantir-se uma jubilação "compulsiva" e evitar-se a propagação deste cancro à restante classe de magistrados. Para não haver a mínima dúvida sobre o que está em causa, deixo-vos com as palavras de uma mulher que os tem no sítio:

"se eu estiver onde quer que esteja, nem que seja em casa, com o meu marido, e eu disser (só disser, sem arranhar, sem gritar) que NÃO quero sexo e ele me puxar pelos cabelos e me obrigar a fazê-lo, isso é violação. E eu esperaria, se fosse caso disso, que a minha queixa desse na prisão do gajo que me tivesse OBRIGADO a ter sexo."

Continuação do M12M


O protesto da "Geração à Rasca" desenvolveu-se e deu origem ao Movimento 12 de Março (M12M). A coisa continua sem parar e hoje é dia de uma espécie de "Estados Gerais" em Lisboa. Gostava tanto que daí se conseguisse passar para a formação de novos partidos políticos, capaz de colocar em sentido a tralha que se amontoa nos partidos do "arco do poder". Ir buscar a esses partidos gente capaz mas que não joga o mesmo jogo que a tralha, o jogo das influências e dos favores (o tristemente corriqueiro "dás-me a mão agora que eu dou-te a mão depois...").

E amanhã, nova manif! Com o estado de depressão em que está o país, se aparecerem 500 pessoas para mim já é uma vitória...

As melhores criações da Natureza...


Sacado daqui!

Música do dia

atrasado...

Erro ENOOOORME da PSP



Este post já devia ter sido publicado à vários dias. O que se passou em Setúbal é muito perigoso. Ao contrário do que afirma a PSP, as imagens mostram bem quem estava em atitude pacífica e quem estava em atitude beligerante. Os manifestantes, com os quais até não simpatizo nada, cumpriram com as indicações da polícia durante toda a manif, e quando lhes foi pedido para acabarem com a música também acataram. Não tinham armas e só atacaram a polícia depois de cercados e de a polícia tentar deter ilegalmente um dos anarquistas. Acontece que para a polícia pedir a identificação de qualquer cidadão tem de ter alguma suspeita sobre conduta criminosa desse cidadão, e tem de a comunicar. Não pode exigir a identificação por dá cá aquela palha...

O que a polícia arranjou foi um belo 31. Estes manifestantes (e outros...) de agora em diante vão olhar de outra maneira para as "ordens" da polícia. Porque a polícia, naquela ocasião, perdeu a autoridade moral que devia ter mantido sobre os cidadãos. Perdida essa autoridade, ninguém sabe o que pode vir a seguir. Sinceramente, aqui, a polícia fez uma bela m**da.

Desta vez o erro não foi meu...


Ontem à noite abro eu a página do blogger, preencho os campos do e-mail e da password e... NADA! Aparece um erro do blogger, vou à procura de mais informação no blogspot e informam-me que estão a fazer a manutenção ao meu blog!!! "Caramba", exclamo eu, "querem ver que o meu blog também precisa de negociar um memorando com a troika ou ainda vai ao charco???" Começo a mandar postas de pescada no blogspot e responde-me um finlandês: "Ah, e tal, temos de verificar os códigos e obter aprovação junto da nossa equipa para o blog voltar a funcionar". "Mas que raio?! Estes gajos estão a gozar comigo!", penso eu com os meus botões. Toca a ir para outra página a ver se alguém é capaz de me "agilizar" a manutenção, e encontro um alemão online. Meto conversa, explico o problema e a urgência que tenho para cumprir os prazos, e a resposta que obtenho é de que "1º está a tratar dos blogs alemães, e só depois vai verificar o estado do meu blog. Dependendo do que ELE achar necessário vai enviar-me directrizes sobre como gerir o MEU blog e, dependendo do meu acordo com as condições impostas, finalmente terei acesso ao MEU blog". Pergunto-lhe eu se não há maneira de se despachar e fazer apenas e só o que lhe compete. O alemão vem-me com a treta de que ninguém trabalha mais, melhor e mais rápido que ele. Levou logo com a boca: "Se estivesses a trabalhar bem o meu blog não estava agora parado e os leitores habituais tinham recebido o serviço a que estavam habituados e do qual nunca reclamaram! Faz o que tens obrigação de fazer e não te estiques mais na linguagem, que só me estás a prejudicar." Escusado será dizer que o blog não ficou a funcionar... Resolvi então mudar de estratégia: contacto novamente o finlandês e o alemão, explico-lhes que conheço umas "amigas" que emigraram para a terra deles e que os podem ajudar a fazer a manutenção ao meu blog, umas gajas impecáveis, simpáticas, com uns olhos lindos e que medem perto do metro e oitenta. Só que para eu as mandar para a beira deles, 1º têm de pôr o meu blog e funcionar. Mais umas trocas de mensagens et voilá! Tenho o blog a funcionar. Agora estou para ver o que acontece quando eles perceberem que o metro e oitenta de que falei é o perímetro abdominal...

Nota: O texto é puramente fictício. Só o erro do blogger e a "manutenção" que foi dada ao meu blog sem qualquer aviso prévio são verdadeiros. E ainda dizem que os estrangeiros é que sabem trabalhar bem...


PS: Graças aos problemas do blogspot, este vai ser um dia cheio de posts ;)

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Privatizar monopólios?????!!!!!!!!!!!

Imagem sacada daqui!

Quando vi a lista de privatizações do memorando da troika e depois a lista de privatizações proposta pelo PSD até fiquei branco! Então querem privatizar monopólios naturais?! Não basta já a vergonha que foi a privatização da GALP, que em 3 anos (três!!!!) pagou dividendos aos investidores privados equivalentes ao que investiram na compra das acções? E foi tudo pago por nós, ou ainda acham que são os mercados que fazem com que os combustíveis subam sempre que sobe o preço internacional do crude, e fiquem quase na mesma sempre que o preço do crude desce? MONOPÓLIO É PODER ABSOLUTO!


E agora ainda apresentam na lista de privatizações empresas como a REN, a EDP e a EGF (que inclui a Águas de Portugal)? Esta gente ao menos leu, alguma vez, um manual de iniciação à Economia? E não há uma revolta a sério de quem vai ser assaltado à cara podre?

"Tristes tempos estes, em que loucos conduzem cegos." (William Shakespeare)

As melhores criações da Natureza...


Sacado daqui!

Música do dia

terça-feira, 10 de maio de 2011

Comédia que só humilha mais a Nação



Alguma luminária da Câmara Municipal de Cascais lembrou-se de fazer o vídeo acima, que até já foi notícia nos telejornais. Se tivesse ficado quietinho e caladinho é que tinha sido inteligente. Esta tendência para andar de mão estendida a pedir tudo e mais alguma coisa só rebaixa toda uma Nação. Argumentar com o nosso passado glorioso só serve para denegrir ainda mais a capacidade actual do povo português. Eu já nem sei se esta gente anda louca ou cega. Bem não está de certeza. Até parece que estamos a voltar à Idade Média...

Entretanto já veio a resposta finlandesa, com muita mais classe que a provocação original. Deixem-se destas tretas, que se temos de provocar algum país o alvo certo é a Alemanha.

As melhores criações da Natureza...

Jaime Pressly

Sacado daqui!

Música do dia

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Casa Museu do Grupo Folclórico da Pedralva




O restauro da Casa Museu do Grupo Folclórico da Pedralva atinge os 20 mil euros. Considerada urgente, pelo presidente do Grupo Folclórico, Licínio Coelho, a obra já começou, apesar dos parcos recursos financeiros. Por isso, a direcção do Grupo Folclórico faz um apelo à colaboração da Câmara Municipal de Anadia, na preservação e manutenção de um património que Licínio Coelho diz ser do concelho, para além de ser visitado por muitos grupos de fora da região.

O Grupo Folclórico da Pedralva é uma das associações dinâmicas que existem em Anadia, capaz de exportar a nossa cultura e as nossas tradições. Já passei nesta Casa Museu e já à alguns anos que fiquei com a noção que o edifício necessitava de obras. Peço uma especial atenção para a atafona (na imagem) que, segundo me disseram, é a única que ainda funciona em todo o país, sendo por isso património único e ímpar. Fica aqui o pedido de atenção às autoridades competentes.